quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

THE BEATLES- BABY YOU CAN DRIVE MY CAR


"Drive My Car", a matadora primeira música do clássico Rubber Soul, de 1965 dos Beatles, foi quase toda composta por Paul com grandes colaborações de John. A canção foi concluída em 13 de outubro de 1965, com Paul (e John) tendo ‘empacado’ na letra alguns dias antes. Ambos concordaram a letra não era boa. Paul havia escrito a partir do ponto de vista da namorada do cantor, foi algo como "você pode me dar os anéis dourados / Você pode não me dar nada / Porque baby, eu te amo. " John sugeriu o refrão "Baby, você pode dirigir meu carro", uma metáfora sexual que se ajustaria à natureza bluesy da música, e também o gancho "Beep beep beep beep yeah!" o resultado foi mais um megahit na história da banda, e um dos melhores números de Rubber Soul. George sugeriu um riff de guitarra escorregadio para os versos, inspirado em uma canção recente e uma de suas favoritas: a versão original de Otis Redding de “Respect”. Mas foi Paul quem fez o solo de guitarra.

"Drive My Car" foi concluída, arranjada e gravada em uma maratona no mesmo dia - esta foi a primeira sessão de gravação dos Beatles a passar da meia noite. Com os meses, isso se tornaria rotina. Gravaram quatro takes e somente o último foi aproveitado. Paul encabeça os vocais durante quase toda a canção, e John (com a voz dobrada) entra em “And maybe I love you"; George, por sua vez, só vem para fazer a harmonia no coro "Beep beep beep beep yeah!" “Drive My Car” era um dos números favoritos de todos os quatro Beatles.



Agora, a gente confere novamente a duplinha MonaLisa Twins , totalmente fissuradas nos Beatles e praticamente lançadas aqui. Abração!

2 comentários:

João Carlos disse...

Totalmente "soul".

Valdir Junior disse...

Eu acho ela bem "Bluesy" !!!
Me pergunto porque eles não tocaram ela ao vivo nos últimos shows !!