domingo, 17 de maio de 2015

JOHN LENNON - ONE DAY AT A TIME - FANTÁSTICO!

"One Day (At a Time)", a quarta canção do álbum Mind Games, de1973, de John Lennon é uma canção das mais bonitas e sinceras músicas de John Lennon caracterizada por um raro falsete vocal utilizado pelo ex-Beatle. O tema lírico da canção é o mesmo que permeia por várias faixas do álbum, como “You Are Here” e “Out The Blue”: a ideia de duas peças, criando um todo, muitas alegorias para o então vacilante casamento de Lennon e Yoko Ono. Curiosamente, isso duraria até o final em "Double Fantasy" e, foi Ono, quem sugeriu a Lennon que ele cantasse fora do tom normal. Como "alguém" dizendo o que queriam ouvir. No estúdio Lennon gravou uma guia vocal sem o falsete - que mais tarde foi lançada na caixa John Lennon Anthology de 1998. Alguns estudiosos da obra do artista, dizem que a parte final letra tinha grande parte voltada para a mais pura sacarina de uma das letras que mais pareciam cansadas, repetitivas e banais:  ("Porque eu sou o peixe e você é o mar / Porque eu sou a maçã e você é a árvore"), etc. "Lennon já conseguiu compor tributos mais honestos e comoventes à Yoko Ono, e apesar de ser uma das melodias mais fortes e bonitas de 'Mind Games', "One Day (At A Time)" falha em transmitir qualquer sentido real de convicção emocional. Irônicas como podem parecerer as coisas, McCartney abusaria disso anos depois em "Waterfalls", canção classificada como em 4º escalão do padrão 'Beatle de qualidade' - Beirando o 'brega". Seja como for, são de épocas diferentes. "One Day (At a Time)", com falsete ou sem falsete, é uma da obras mais lindas de John Lennon. Aparece em 'Mind Games', "Anthology - John Lennon - Disco 2 - New York City). Também foi gravada e é tíitulo do álbum de Elton John de 1976 - a quem muitos atribuem que a música seja dele. Tolice. VIVA JOHN LENNON!

4 comentários:

Valdir Junior disse...

" Mind Games" é um disco para ser redescoberto e valorizado dentro da discografia do John. E One Day at a Time é um das melhores do disco.

Fábio Simão disse...

Este é meu álbum preferido do John.

Julia Mori disse...

É um presente ouvir a voz do John tão doce, límpida sem arranjos elaborados. Dá saudade mas também dá prazer. Adoro essa música. Adoro o John.
Terezinha. Em 24 de julho de 2016.

Terezinha disse...

É um presente ouvir a voz do John Lennon tão doce, tão simples, sem arranjos elaborados. Amo essa música. Amo John Lennon. Mind Games é fantástico.