sábado, 5 de setembro de 2015

RAQUEL WELCH - SENSUALIDADE À FLOR DA PELE

Hoje, a sensacional Raquel Welch completa 75 anos e ainda mantém a beleza digna que a consagrou. Em sua homenagem, a gente confere novamente a postagem sobre ela publicada originalmente em 2012.
A atriz norte-americana, Raquel Welch nasceu a 5 de setembro de 1940, em Chicago, nos Estados Unidos da América. Foi um dos maiores e mais marcantes símbolos sexuais dos anos 60 e 70. De seu verdadeiro nome Raquel Tejada, ganhou o seu primeiro concurso de beleza com apenas 15 anos. Trabalhou como empregada num restaurante e como manequim e em 1964 chegou a Hollywood onde causou sensação quando apareceu na capa da revista Life envergando apenas um biquini. Roustabout (1964), onde trabalhou ao lado de Elvis Presley, foi a sua primeira aparição cinematográfica, a que se seguiu Fantastic Voyage (Viagem Fantástica, 1966). Em 1970, contracenou com o nosso Ringão e Peter Sellers fo nilme "The Magic Christian" - Um Beatle no Paraíso.
O seu estatuto de símbolo sexual foi obtido em Le Plus Vieux Métier du Monde (A Mais Velha Profissão do Mundo, 1967) onde contracenou com Anna Karina, Jeanne Moreau e Elsa Martinelli. Hollywood apostou nela para protagonizar Bedazzled (Brincadeiras do Diabo, 1968), The Lady in Cement (O Detetive, 1968), Bluebeard (O Barba Azul, 1972) e The Three Musketeers (Os Três Mosqueteiros, 1973).
Uma sucessão constante de desastres comerciais levaram-na a abandonar Hollywood, refugiando-se primeiro na Europa onde filmou alguns títulos, voltando aos EUA em 1979, onde trabalhou maioritariamente para televisão. Ocasionalmente, fez aparições esporádicas em filmes de grande sucesso como a comédia Legally Blonde (Legalmente Loura, 2001).

2 comentários:

João Carlos disse...

Sen-sa-cio-nal! E mais não digo!

Valdir Junior disse...

Que mulherão !!!
Desperta paixão e outras coisas só com o olhar !!!