segunda-feira, 18 de julho de 2016

PATTIE BOYD - "GEORGE, ERIC AND ME"

Pattie Boyd está definida para visitar a “Beatles Story” na próxima semana para atender os fãs e assinar cópias de sua autobiografia. A fotógrafa (?) e ex-modelo, que foi casada com os dois guitarristas famosos, George Harrison e Eric Clapton, estará apresentando sua exposição de fotografias “George, Eric and Me” e contando suas histórias.
A mostra apresentará retratos íntimos de ambos os ícones da música, assim como fotografias de seus amigos rock and roll stars como os Rolling Stones, Keith Richards e Ronnie Wood, e também, os outros Beatles. Cinco dos vestidos de Pattie Boyd também estarão em exposição.
Boyd, de 72 anos, conheceu George Harrison no set de filmagens de “A Hard Day’s Night” em 1964, quando interpretou uma estudante figurante no filme. Eles se casaram em 1966 e ficaram juntos por 11 anos, com a modelo supostamente inspirando “Something”, uma canção que Frank Sinatra descreveu como "a maior canção de amor de todos os tempos". Ela também teria inspirado Clapton, com quem se casou em 1979, para escrever Wonderful Tonight.
Pattie Boyd disse: "Estou muito animada sobre a visita ao The Beatles Story. Será um verdadeiro privilégio para mim para atender as pessoas de Liverpool, que são conhecidos tanto pela sua música quanto pelo seu senso de moda. Estou ansiosa para contar a história por trás da coleção de imagens. Estou extremamente orgulhosa pela exposição, que documenta a minha vida com George e minha vida com Eric, e inclui fotos que nunca foram mostradas antes”. “George, Eric and Me” ficará em exibição no The Beatles Story até outubro.

4 comentários:

Valdir Junior disse...

E o livro dela, que ninguém teve coragem de lançar por aqui em terra brasilis?
Era a mais bonita das Beatles girls, mas mantem um certo charme hoje.

Joelma disse...

Something, Love You To (George). Layla, Wonderful Tonight, I Looked

Away, Bell Bottom Blues, I'm Yours, Anyday (Derek and the Dominos)...

maluco! essa mulher era poderosa!

João Carlos disse...

Apesar de bela e badalada na época, era bem discreta. Deveria manter-se assim. Gostaria de ler essa biografia.

Valquiria Ribeiro disse...

As namoradas e depois esposas dos rapazes eram realmente muito discretas. A única que saiu dos contornos foi Yoko Ono. Maldita hora John a conheceu, talvez ele nunca tivesse saído da Inglaterra. Lá ele estaria seguro. Os ingleses não têm tradição de assassinar celebridades.