quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

ELVIS PRESLEY - JAILHOUSE ROCK - 2016

Não. Elvis não inventou o rock'n'roll como algumas pessoas pensam e muitos de seus fãs mais ardorosos pregam. Mas, sem dúvida, foi o nome mais importante da primeira geração do rock. O primeiro a realmente fazer sucesso e a levar plateias à loucura. De longe, o primeiro grande ídolo da história da música pop e o maior de sua época, o que lhe rendeu o título de 'The King".Para o rock, em termos puramente musicais, a grande fase criativa de Elvis foi entre os anos e 1956 e 1958. Nesse período, o Rei dominou as rádios e as paradas musicais com verdadeiros clássicos do estilo, como “Blue Suede Shoes” e “Jailhouse Rock”. Também a maneira como se apresentava, dançando (e rebolando) sensualmente, contribuiu para estabelecer o rock'n'roll como a música que transgredia regras, que escandalizava os adultos mas encantava os jovens.
Resultado de imagem para elvis that's alright mama
Após o início meteórico, o jovem Elvis Aaron Presley, nascido em 8 de janeiro de 1935, na pequena Tupelo, no estado do Mississipi, foi para o exército americano, de onde sairia apenas em 1960. Nesse período, perdeu a mãe, Gladys Presley, algo que parece nunca ter superado e, para muitos de seus biógrafos, foi determinante para que buscasse uma fuga em medicamentos antidepressivos e se afogasse no perigoso mundo das drogas. Manipulado por produtores, passou a gravar quase exclusivamente baladas românticas, embora isso não fosse novidade, pois das 12 faixas de seu primeiro LP, Elvis Presiey, de 1956, apenas uma pode ser considerada "rock", justamente a última faixa do disco, “Don't Think TWice, lt's All Right”.Resultado de imagem para elvis that's alright mama
Na virada dos anos 60 para os 70, quando o rock explodia em termos de criatividade, o Rei, com uma silhueta nada favorável, se apresentava nos cassinos de Las vegas fazendo uma música bem mais convencional. Em 1973, chega ao fim seu casamento com Priscilla Presiey e seus problemas de saúde em virtude do abuso de drogas "não ilegais" se agravam. Milionário, mas já sem qualquer relevância criativa para o estilo que popularizara há 20 anos, foi encontrado morto em 16 de agosto de 1977, em Graceland, a mansão que comprou para morar com os pais e os avós em Memphis. Morria a pessoa, nascia o mito.Resultado de imagem para elvis that's alright mama
Alguns dizem que Elvis queria presentear sua mãe com um disco seu, outros, que apenas queria saber como sua voz soaria em uma gravação. 0 fato é que ele foi até o estúdio Memphis Recording Service, que pertencia à Sun Records e, por quatro dólares, levou para casa uma "bolacha" com as canções “My Happiness” de um lado e “That's When Your Heartaches Begins” do outro. Quem operava o estúdio era a radialista Marion Keisker, namorada e sócia de Sam Phillips, dono do selo e produtor de inúmeros discos clássicos de R&B. Boa de ouvido, ela reconheceu em Elvis um talento e resolveu mostrar a gravação para o patrão, algo que nunca fazia.Quase um ano depois, Sam Phillips procurava alguém para gravar uma música que tinha certeza faria muito sucesso. Marion lembrou- lhe do garoto, sobre o qual anotara que era "bom para cantar baladas" (algo que mais tarde se mostraria a mais pura verdade). Chamaram Etvis, mas nas primeiras tentativas, Phillips não gostou de nada do que ouviu. No entanto, não desistiu, pois tanto ele como Marion sabiam que o garoto tinha potencial. Então, no dia 5 de julho de 1954, na companhia de dois músicos de estúdio - Scotty Moore na guitarra e Bill Black no baixo - Elvis tentava fazer o que o perfeccionista Sam Phillips desejava, sem sucesso. No intervalo das gravações, Elvis cantarola “That’s All Right (Mama)”, composta pelo bluesman Arthur "Big Boy" Crudup. Por acaso, os microfones estavam abertos e Sam Phillips ouviu. Bingo! A sessão acabou se tomando o primeiro de cinco compactos que Elvis gravaria pela Sun Records. Três dias depois o DJ Dewey Phillips, da rádio WHBQ, toca “That’s All Right” pela primeira vez. A partir dai, a carreira de Elvis decola e ele se torna "o Rei", com números impressionantes e, mais de meio século depois, ainda é um dos maiores vendedores de discos no mundo. Sam Phillips tinha razão: um cantor branco de alma e voz negra poderia fazer um grande estrago. E como!http://3.bp.blogspot.com/-EGBrS1BxQSI/U2OzWjaj8rI/AAAAAAAAh1k/L5lc59RCTh4/s1600/
"Jailhouse Rock" é um rock criado pelos compositores Jerry Leiber e Mike Stoller e que primeiramente se tornou um hit na voz de Elvis Presley. A canção foi lançada como single 45rpm em 24 de setembro de 1957, para coincidir com o lançamento do filme Jailhouse Rock. A canção cantada por Presley ocupa o lugar 67 na lista da Rolling Stone das 500 melhores canções de todos os tempos e foi nomeada número um do The Rock and Roll Hall of Fame's 500 Songs that Shaped Rock and Roll.O single, com o seu lado B, "Treat Me Nice" foi um hit número #1 nos Estados Unidos por 7 semanas, no outono de 1957, e número #1 no Reino Unido por três semanas no início de 1958. Além disso, "Jailhouse Rock" passou uma semana no topo das paradas do país e alcançou a posição #2 nas paradas de R&B. Também em 1957, "Jailhouse Rock" foi a canção principal em um EP (Extended Play), juntamente com outras músicas do filme, são elas: "Young and Beautiful", "I Want to be Free", "Don't Leave Me Now" e "(You're So Square) Baby I Don't Care." O EP chegou ao topo das paradas da Billboard, vendendo dois milhões de cópias e ganhando o certificado duplo platina pela RIAA. Em 2005, a canção foi relançada no Reino Unido e atingiu a posição #1 em uma única semana. "Jailhouse Rock", que é um exemplo de forma de versos simples, acabou por receber uma certificação dupla-platina adicional da RIAA em 1992, representando vendas de 2 milhões de cópias do single.

2 comentários:

Valdir Junior disse...

Clássico roqueiro. Elvis pode não ter inventando o Rock and Roll, mas era a cara, o gingado e a fagulha necessária para a o mundo todo entrar nessa onda.

João Carlos disse...

E olha que Elvis era um roqueiro sem muita convicção.