domingo, 18 de dezembro de 2016

ERIC BURDON AND THE ANIMALS - SAN FRANCISCO NIGHTS

"San Franciscan Nights" é uma canção 1967 realizada por Eric Burdon e os animais. Letra e música foram compostas por membros do grupo, Eric Burdon, Vic Briggs, John Weider, Barry Jenkins, e Danny McCulloch. Uma ode à San Francisco, foi o maior sucesso da “nova” banda - em oposição aos da primeira encarnação dos Animais de meados dos anos 1960. Chegou ao # 1 nas paradas canadenses, # 9 nos EUA e número 7 no Reino Unido. Nada mal. A banda escreveu "San Francisco Nights" - como uma canção de protesto contra a Guerra do Vietnã. A canção abre com uma breve paródia do tema Dragnet. Isto é seguido por uma fala de Burdon dedicada "para a cidade e as pessoas de São Francisco”. A melodia começa com a decrição de uma calorosa noite san franciscana de 1967, com imagens alucinógenas de um "feixe de luz estroboscópica" criando sonhos, paredes e mentes em movimento, anjos cantando, "jeans azul" e "Harley Davidsons também", contrastando contra a força policial. Puxando o maior número possível de temas dos anos 60, a canção conclui com um apelo para que o sonho americano inclua "índios também". 
A noção de Burdon tinha de que as noites de São Francisco são quentes, geraram alguns comentários debochados de alguns americanos mais familiarizados com o clima da cidade - melhor exemplificado por Mark Twain dizendo: "O inverno mais frio que passei foi um verão em San Francisco”. Mas, na verdade, Burdon e seu grupo tinham tocado recentemente em San Francisco durante um raro trecho de 10 dias de tempo excepcionalmente quente de primavera, que deixou uma forte impressão errada sobre eles. Em um concerto em Naperville, Illinois , em 2010, Burdon disse que a canção foi escrita sobre uma noite com Janis Joplin em São Francisco.Resultado de imagem para ERIC BURDON AND THE ANIMALS
The Animals foi uma banda de rock britânica dos anos 1960 formada em Newcastle por Eric Burdon (vocais), Alan Price (órgão), Hilton Valentine(guitarra), John Steel (bateria) e Chas Chandler (baixo). Buscavam as raízes do blues e do folk, sendo influenciados por Chuck Berry (com quem fizeram uma turnê), Bob Dylan, Nina Simone, Little Richard e Bo Diddley. O sucesso moderado do grupo em sua terra natal os motivou a se mudarem para Londres em 1964, bem em tempo de serem incluídos na Invasão Britânica. Eles apresentavam versões de sucessos do rhythm and blues, e foram uma das primeiras bandas a serem influenciadas por Bob Dylan (inclusive lançando duas covers de músicas dele). Os Animals alcançaram sucesso com seus compactos "Baby Let Me Follow You Down" e "The House of the Rising Sun". Os vocais uivados de Burdon e os arranjos dramáticos de Price criaram indubitavelmente o primeiro hit do folk rock. Os sucessos se seguiriam com "Bring It On Home To Me" (hit na voz de Sam Cooke) e "Don't Let Me Be Misunderstood" (de Nina Simone). Em 1965, entretanto, o grupo estava prestes a se separar. Price deixou a banda para continuar como artista solo, gravando uma versão de sucesso de "Simon Smith And The Amazing Dancing Bear", de Randy Newman. A banda continuou, agora sob a égide de "Eric Burdon and the Animals", mudando seu estilo musical. Abandonando o blues, passaram a tocar a versão de Burdon para o som psicodélico. Alguns dos sucessos desta época foram "San Franciscan Nights" e "Monterey", um tributo ao histórico festival de 1967 que apresentou, entre outros, Janis Joplin, Otis Redding, Jimi Hendrix e os próprios Animals. Em 1970 a banda se dissolveu, e Eric Burdon juntou forças com um grupo latino de Long Beach, Califórnia, chamado "War".
O baixinho Eric Burdon esta hoje com 75 anos e em plena forma!

3 comentários:

Valdir Junior disse...

Uns do vocais blues and soul, mais potentes do Rock.

João Carlos disse...

Achei meio morna! RsRsRsRs

Edu disse...

Vozeirão sem iguais.